4 tecnologias que podem ajudar a saúde mental dos seus colaboradores

Publicidade

A saúde mental tem sido cada vez mais discutida pela sociedade. Há poucos dias, a ginasta norte-americana Simone Biles estampou as manchetes dos jornais não pelas medalhas que poderia ter ganho nas Olimpíadas de Tóquio, mas, sim, por ter desistido da maioria das competições alegando problemas de saúde mental. O mesmo aconteceu anteriormente com a tenista Naomi Osaka, que revelou lutar contra a ansiedade e a depressão, e, por isso, desistiu do torneio de Roland Garros, um dos mais importantes do circuito.

O índice de pessoas acometidas por transtornos mentais é alarmante, principalmente no Brasil, país que tem o maior número de pessoas que sofrem com transtorno de ansiedade – quase 19 milhões, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Mais grave ainda: durante a pandemia, 53% dos brasileiros afirmaram que a sua saúde mental piorou, de acordo com pesquisa do Instituto Ipsos, encomendada pelo Fórum Econômico Mundial, o que prejudica a sua vida pessoal e profissional.

Buscando alternativas para ajudar seus funcionários a manter a boa saúde mental, as empresas têm encontrado respostas na tecnologia. Hoje, as chamadas health techs trazem inovação para o setor da saúde, com algumas focando exclusivamente no bem-estar emocional. Vejamos alguns exemplos a seguir!

Consultas online

Publicidade

Com as medidas de restrição e o isolamento social, as atividades em geral tiveram de se adaptar aos novos tempos. Foi o que aconteceu com o atendimento de psicólogos e terapeutas, cujas consultas migraram para o mundo virtual. Dessa forma, os pacientes não ficam desassistidos e conseguem continuar seus tratamentos. Algumas empresas já oferecem esse benefício para os seus colaboradores.

Inteligência Artificial (IA)

O uso de IA nos ambientes corporativos pode ser especialmente útil, porque consegue identificar, através da coleta e análise de dados, problemas de saúde mental dos colaboradores e, assim, propor soluções. Além disso, também é capaz de fornecer ajuda primária, através de bots, por exemplo, que respondem a dúvidas sobre saúde mental instantaneamente.

Aplicativos que promovem o bem-estar

No último ano, houve um boom de aplicativos que promovem a saúde e o bem-estar. Em geral, eles oferecem aulas de ioga e meditação, sugerem treinos baseados nas suas informações pessoais, ajudam a criar um cardápio saudável e até verificam se você está tomando a quantidade mínima de água. Alguns desses apps são exclusivos para uso em ambiente profissional.

Plano de saúde mental

Com o índice elevado de casos de transtornos mentais, as health techs têm apostado em planos de saúde voltados exclusivamente para o bem-estar emocional da população – uma ideia que tende a crescer. As empresas podem e devem aderir a essa novidade e oferecer esse benefício aos seus colaboradores. Afinal, uma equipe motivada gera bons resultados.

Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui