5 passos para uma gestão financeira empresarial que realmente funciona

Publicidade

Gerenciar uma empresa seja pequena, média ou grande não é fácil, principalmente no cenário econômico atual. Mesmo empresários experientes têm tido dificuldades de permanecer num saldo positivo. Para aqueles que estão começando então, fica ainda mais complicado e incerto.

Existem estratégias muito importantes que precisam ser aplicadas para gerir um empreendimento de sucesso, que independem do segmento, até mesmo se o empresário vende produtos ou serviços. No final das contas, como a pessoa organiza e enxerga o dinheiro que entra e sai é a verdadeira alma do negócio.

Segundo Aleksander Avalca, um dos sócios fundadores da 4blue, que realiza consultoria e treinamento de gestão financeira para pequenas empresas, é possível aumentar o lucro sem precisar subir o número de vendas, apenas fazendo a gestão financeira correta. “Praticar um controle de capital que faça uma diferença no balanço da empresa vai muito além de anotar no caderninho as despesas e ganhos. O gestor apenas se preocupa quando vê o saldo negativo, mas essa é uma consequência de uma administração inadequada”, afirma.

Publicidade

Para quem deseja dar o pontapé inicial e organizar a gestão financeira da empresa, o especialista indica 5 passos:

  1. No empreendedorismo, ou é ou não é.

É de muita importância não praticar ‘achismos’ na gestão financeira. Pode parecer redundante, mas é muito comum que empresários apliquem uma aproximação de valores ao seu fluxo de caixa, o que pode acabar gerando uma grande diferença na hora de calcular o quanto você precisa de lucro. Uma estimativa que adiciona R$3.000 às despesas fixas, pode fazer com que faltem 4 vezes este valor no fim do mês. Tenha certeza dos seus números!

  1. Caixa da empresa não é caixa eletrônico.

Outro erro comum, por vezes, do pequeno empresário, é o de retirar direto do caixa o valor que quiser, sem aplicar a si mesmo um salário fixo. Você pode até conseguir manter isso por algum tempo, mas uma hora você vai precisar tirar um pouco a mais, por causa de uma emergência talvez, e já que não se organizou previamente, o balanço desanda. Se o seu funcionário pedir um aumento porque o carro dele quebrou, você não daria. O mesmo deve se aplicar ao dono da empresa.

  1. Cada centavo que entra e sai conta!

A parte mais importante desse passo é a organização do seu sistema, e se você não tem, é melhor criar o hábito. Documentos e recibos, sejam digitais ou impressos, devem estar sempre ordenados, tanto de tudo o que entra quanto do que sai. Graças a tecnologia existem diversas planilhas ou softwares capazes de ajudar a manter uma rotina bem definida de gestão. Desfrute dos recursos que temos hoje em dia, mas atenção: “a maioria das planilhas e softwares do mercado não dão a visão clara do fluxo de caixa que o pequeno empresário precisa”, alerta Renan Kaminski, também sócio fundador da 4blue.

  1. Preço errado é atestado de falência

Se você sempre bate na tecla de que trabalha muito, os gastos já são mínimos e ainda assim continua no negativo, existem chances do seu preço estar errado. Claro, o mercado também tem uma mão na definição desses valores, mas se suas contas dizem que o seu produto ou serviço deve custar R$ 45 e você cobra R$ 30, não importa o quanto venda, sempre vai estar no vermelho. Entender variantes como as discrepâncias entre o preço real e o preço ideal ou identificar o preço mínimo que pode ser cobrado, é realizar a análise financeira e faz parte do negócio. O que nos leva ao último passo.

  1. Busque seu Ponto de Equilíbrio

De nada vai adiantar seguir os passos anteriores se você não tiver uma análise compreensiva de todos os valores envolvidos na gestão. Todo esse cálculo cai no Ponto de Equilíbrio, o faturamento necessário para cobrir todas as despesas sem obter prejuízo nem lucro, ou seja, o mínimo que você precisa ganhar. A partir daí, fica muito mais fácil desenvolver estratégias e você se torna um gestor mais preparado e eficiente!

Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui