Mais

    Conheça quais são os três pilares que um investidor deve levar em consideração

    Publicidade

    O mundo dos investimentos pode ser desafiador, com diversos termos e caminhos que parecem complicados para quem não trabalha diretamente com o meio. Contudo, para garantir que suas aplicações realmente tenham lucros é fundamental fazer isso com o auxílio de uma gestora de ativos com profissionais qualificados e de confiança.

    Daniel Alberini, sócio-fundador e diretor de Gestão na CTM Investimentos, empresa independente de gestão de ativos e que está há 10 anos no mercado auxiliando pessoas a lucrar com aplicações financeiras, listou os três pilares que qualquer pessoa que esteja neste setor precisa ter em mente para conseguir bons resultados.

    Publicidade

    Contribuindo com a educação financeira de seus clientes, trazendo com informações importantes sobre o mercado, amparados pela ética e transparência, Alberini pontua que, para começar, a pessoa interessada precisa ter: planejamento, paciência e tempo. Fatores esses que, se combinados, podem alavancar a construção de patrimônio. “Os  três elementos funcionam de maneira conjunta e devem ser analisados dentro do contexto de sua carteira, gerenciando os riscos de acordo com o seu perfil e construindo um portfólio que mescle os pilares”, destaca.

    Confira na sequência as dicas envolvendo cada um desses pilares:

    Planejamento

    Alberini explica que esse pilar é imprescindível e aqueles que não o levam a sério tendem a sofrer perdas pelo caminho, algumas irreparáveis. Por isso, ele dá a dica: “mantenha sempre uma reserva de emergência e saiba diferenciar os investimentos de curto, médio e longo prazo. Entenda seus objetivos, seu cenário atual e quais os caminhos a percorrer”.

    Paciência

    Ganhar dinheiro rápido é um sonho de muitos, mas não é bem assim que as coisas funcionam. Para o especialista, a paciência é mais que uma virtude, é uma necessidade nesta área. “É preciso ter em mente que nem sempre a maré estará a favor e esperar pode ser o melhor caminho. Por isso, não deixe que a ansiedade atrapalhe e que você acabe perdendo dinheiro por não ter sabido aguardar o momento certo”.

    Tempo

    Publicidade

    Desta forma, a principal variável é o tempo, pois a matemática dos juros compostos ou dos retornos compostos é o grande vetor para a construção de patrimônio. “Muitos fazem a famosa ‘conta de padeiro’, de maneira linear, pensando que uma aplicação de 100 subir 10%, em 10 anos será 200. O que não é verdade quando se fala em investimentos, já que o correto é considerar que esse crescimento é exponencial, portanto os 100 se tornarão praticamente 260. “Este tipo de ‘ajuste’ faz uma diferença tremenda na vida de quem mira o longo prazo e investe com o olhar correto”, explica.

    O especialista também alerta que, por falta de planejamento e paciência, muitos acabam investindo com data e hora marcada e isso é, certamente, um grande limitador do sucesso. “Ao alinhar os três pilares, juntamente com a segurança de ter bons profissionais de gestão de recursos, o investidor terá as condições de realizar sonhos no futuro”.

    E quando o assunto é segurança, Alberini faz questão de lembrar que é imprescindível dizer que o mercado brasileiro é bastante regulado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e, portanto, uma simples consulta dos profissionais da gestora ao site da CVM já garante um bom caminho andando no tema da segurança para o quem fez a aplicação.

    Publicidade

    Artigos recentes

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui