Dicas tecnológicas: como cuidar, aprimorar e escolher o melhor notebook para suas necessidades

Publicidade

Há mais de um ano, rotinas se transformaram por conta da pandemia de Covid-19 e a maioria das atividades só puderam continuar de forma virtual. Neste contexto, os notebooks se tornaram os maiores aliados de quem agora trabalha, estuda, produz conteúdo e se diverte de forma remota. E a Acer possui opções especiais para todos os públicos.

Para garantir a melhor performance e vida útil aos dispositivos, a Acer separou algumas dicas básicas de cuidados diários com os notebooks para os usuários da marca, além de também explicar como funcionam os upgrades de configuração – disponíveis em alguns modelos – e como escolher o dispositivo ideal para cada atividade do dia a dia.

Entre as prioridades nos cuidados diários estão a higienização dos aparelhos e atualizações rotineiras de software. Na hora da limpeza, é importante se atentar às recomendações para não danificar o produto:

  1. Para a parte externa do notebook, o ideal é utilizar um pano macio (que não solte fiapos) e esteja umedecido com água.
  2. Também é importante utilizar um cotonete ou pincel secos para retirar a poeira nas entradas de ar – neste caso, nada de pano úmido.
  3. O teclado deve ser higienizado com um pincel ou pano macio – que pode ser levemente umedecido no caso de sujeiras maiores.
  4. É preciso estar atento na hora de limpar a tela; neste caso existem produtos específicos para este tipo de higienização e que não danificam o produto.
Publicidade

Também é fundamental estar atento às atualizações de software e a truques básicos de programação para garantir a melhor performance do dispositivo. As dicas da Acer neste caso são:

  1. Manter o sistema operacional atualizado.
  2. Garantir que o software antivírus esteja sempre ativado.
  3. Agendar limpeza de ‘cookies’ regularmente para se livrar de arquivos temporários que não são mais de interesse do usuário.
  4. Remover ícones e arquivos desnecessários da área de trabalho – isso também ajuda na melhoria da performance.
  5. Limpar arquivos que não serão mais utilizados das pastas, especialmente na área de download.
  6. Evitar que programas pouco utilizados iniciem junto ao sistema operacional – o ideal é que apenas os softwares essenciais estejam configurados desta forma.
  7. Ajustar opções de energia de acordo com a necessidade para maior performance e/ou maior economia.

O que muitos não sabem é que, além das configurações iniciais, também é possível apostar em aprimoramento nas máquinas para garantir o desempenho desejado. Esta é uma ótima opção quando slots extras estão disponíveis no produto, então, também é importante se atentar a esta característica. Duas formas de upgrade são muito úteis no dia a dia:

  • Upgrade de armazenamento SSD ou HDD: é possível adicionar unidades de armazenamento extras nos notebooks de acordo com a necessidade de maior agilidade ou espaço.
  • Upgrade de memória RAM: opção ideal para quem necessita de mais velocidade nas operações, também é possível aumentar a capacidade da memória RAM dos notebooks, possibilitando, assim, multitarefas do dia a dia, já que torna possível executar diversos programas de forma simultânea sem problemas de desempenho.

Para quem ainda tem dúvidas sobre como escolher o notebook ideal para cada tipo de uso, é muito importante estudar as configurações do modelo. Na Acer, cada família de produtos é pensada especialmente para atender a cada um dos diferentes públicos da marca, garantindo a melhor experiência para quem busca opções gamers, para uso no dia a dia, modelos ultrafinos e premium, performance diferenciada para criação de conteúdo, e até para educação, com os Chromebooks. Confira dicas da marca para escolher a melhor opção:

Para estudos e entretenimento:

  • Atentar-se aos slots disponíveis para upgrade nas configurações;
  • Dar preferência a processadores atuais, já que terão maior vida útil, além de garantir o funcionamento mais fluído do seu notebook;
  • É importante apostar em configurações com, no mínimo, 4GB de memória RAM para rodar tarefas básicas.

Para trabalho:

  • Se possível, é recomendado optar por modelos de notebooks com processadores a partir do Intel Core i5/AMD Ryzen 5, pois garantem uma configuração mais robusta e são considerados ótimos modelos intermediários, capazes de rodar ferramentas sem muita interferência, aguentar várias abas de navegador abertas e também podem evitar que o notebook trave durante apresentações importantes.
  • Para quem estiver em busca de um dispositivo que dê conta de softwares específicos de programação, como servidores WEB ou programas para gerenciar bancos de dados, investir em um notebook intermediário (com as configurações descritas acima), no mínimo, também é a melhor opção.

Para games:

  • Dar preferência para modelos com processadores no mínimo Intel Core i5/AMD Ryzen 5 (para jogos intermediários) e Intel Core i7/AMD Ryzen 7 (para jogos mais pesados).
  • Para uma ótima performance, é importante apostar em um notebook com placa de vídeo dedicada. Também deve-se verificar a performance da placa de vídeo de acordo com os games e atividades gráficas que desejar realizar – desde os jogos mais leves até os que exigem os melhores hardwares gráficos.
  • Em relação à memória RAM, 8GB e 16GB geralmente dão conta do recado.
Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui