O gerenciamento do fluxo de caixa é um processo-chave para qualquer empresa, para que esta organização realize seus pagamentos, mantenha a operação funcionado e, ao final das contas, obtenha os lucros necessários para fomentar a sua expansão.

Entre as estratégias importantes estão os sistemas de gerenciamento das cobranças a fim de controlar a inadimplência , evitar os atrasos de pagamentos e a perda de dinheiro, principalmente nas pequenas e médias empresas (PMEs).

Neste atual cenário da pandemia, a atenção a este processo cresceu ainda mais, pois a inadimplência assusta, seja nos modelos de negócios B2B ou B2C. Como fazer este processo de cobrança? Torna-se fundamental contar com uma solução efetiva de cobrança, integrada aos demais sistemas de gestão.

Existem princípios e práticas na cobrança de dívidas que ajudam a estabelecer uma cobrança mais amigável. Um primeiro ponto é contar com uma régua de cobrança automatizada, que representa uma linha do tempo, na qual o empreendedor vai definir quando sua empresa entrará em contato com o cliente que tem uma dívida e precisa efetuar o pagamento, seja por meio do envio de um e-mail, de um SMS, um contato telefônico ou outro tipo de ação.

A comunicação é um dos pilares da cobrança de dívidas e, muitas vezes, é preciso realizar vários contatos com um devedor para acertar o pagamento. Os sistemas de cobrança possibilitam oferecer atendimento aos devedores disponível no formato 24×7, ou seja, durante 24 horas por dia e nos 7 dias da semana, combinando o atendimento realizado pela equipe com recursos de chatbots.

É interessante dar opções aos clientes, para que eles possam escolher por qual canal vão se informar sobre as opções de pagamento e negociar. A cobrança de dívidas não pode ser um processo que aumente o estresse no relacionamento do credor com o devedor, ou seja, precisa ser um meio de estabelecer o diálogo e a cobrança amigável.

O software de cobrança também irá abastecer as áreas de crédito e de vendas com relatórios, levando informações relevantes sobre o comportamento dos clientes para o planejamento estratégico da empresa, sejam os planos de curto, médio ou longo prazos. Permitirá a segmentação de perfis dos clientes e a valorização dos clientes que costumam pagar as contas em dia. É um recurso cada vez mais acessível para reduzir os erros e profissionalizar o negócio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui