Marketing Digital em 2022: Como colocar seu negócio no mapa da evidência do Google

Publicidade

O marketing digital segue em alta para todos os tipos de negócio, principalmente, os que atuam por plataformas de e-commerce, uma modalidade que cresceu 31% somente no primeiro semestre de 2021, de acordo com a Ebit | Nielsen. E claramente, em meio a tanta concorrência, investir e fazer uso de ferramentas que conversem e impactem os potenciais consumidores, que se encontram em peso no meio digital, pode ser vital para todos os empreendedores que objetivam colocar seu negócio no mapa de evidência dos principais buscadores, como o Google.

De acordo com Murilo Borrelli, CEO da agência de data driven marketing ROI Mine, para começar, é preciso ter em mente que como toda ação de marketing é necessário entender o negócio e planejar. Definir a atuação da empresa e as dores que ela visa sanar permite identificar o segundo ponto importante: quem é o consumidor da marca – também conhecido como persona – qual seu sexo, faixa etária, religião, localidade e preferências.

Publicidade

“Com esses dados em mãos e determinado o capital a ser investido é possível, então, seguir para a próxima etapa: sua marca pretende apostar em tráfego pago ou ações orgânicas? Na primeira opção, os links patrocinados do Google AdWords, por exemplo, colocam seu e-commerce no topo das buscas pelas palavras-chaves determinadas, que tenham relação com o negócio. Essa estratégia requer o investimento de contratar a ferramenta e de cada clique que sua página receber, mediante um valor a ser delimitado, e pode ser bem certeira, já que seu site fica entre os primeiros links”, destaca o especialista.

Entretanto, mais do que atrair os potenciais consumidores, é preciso saber entretê-los. E para isso, outra medida tão importante quanto esse investimento nos links patrocinados, segundo Borrelli, é manter o foco na produção de conteúdo de qualidade, uma estratégia essencial, que é também a base para o sucesso da segunda opção de marketing digital: as ações orgânicas. Sim, também é possível atrair o público por meio de outros mecanismos que não demandem um alto investimento em anúncios.

Entre algumas ações que podem ser traçadas de forma orgânica, para que o site se destaque nas buscas, a definição das palavras-chaves, que devem estar presentes no conteúdo da sua plataforma, são também o primeiro passo. Elas fazem parte de uma estratégia conhecida como SEO (Search Engine Optimization, ou otimização dos mecanismos de busca), e precisam estar em todas as seções da plataforma, que deve trazer conteúdos ricos em qualidade e originalidade.

“Para aplicar a técnica de SEO por completo, outras ações como a responsividade e a velocidade de carregamento do site – para que ele possa ser acessado por qualquer tipo de dispositivo e não demore para carregar-, a divulgação do canal de vendas em conteúdos das redes sociais e adquirir um certificado de segurança para a página, para que o negócio transmita responsabilidade e seriedade, são também fundamentais para o ranqueamento orgânico”, explica Borrelli.

Independentemente do tipo de estratégia escolhida para o marketing digital, os benefícios podem ser comprovados em curto e médio prazo para o negócio. Principalmente, porque essas ações podem ser mensuradas a cada campanha, mostrar erros e acertos e assim, definir o caminho de sucesso para as próximas oportunidades, investindo no que funciona e garante os melhores retornos.

Para atuar com todas essas estratégias, garantir que sejam eficazes e tragam o retorno esperado, a ROI Mine é uma agência focada em resultados, que conta com ferramentas e profissionais altamente qualificados para traçar as campanhas que trarão mais lucratividade e reconhecimento que a marca precisa. Entre seus clientes estão as Óticas Carol, a marca de sorvetes Perfetto e a multinacional americana e líder em saúde musculoesquelética Zimmer Biomet.

Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui