Mais

    Nova rede social busca trazer realismo para seus usuários

    Publicidade

    Em 18 de setembro de 2022, foi lançado, nos Estados Unidos, o TikTok Now, uma nova ferramenta da rede social que tem a promessa de trazer para seus usuários postagens mais orgânicas e reais. Essa proposta também é trazida pelo BeReal, que em português significa “Seja Real”. O aplicativo foi lançado em 21 de dezembro de 2019, na França, popularizando rapidamente nos Estados Unidos.

    Nicole Pappon, CEO da Grapa Digital, acredita que esta nova modalidade dos aplicativos visa estabelecer conexões reais, pois sua proposta é que a cada dia e em momentos diferentes, o usuário do app tire uma foto de si e sem filtros, no local que está, utilizando a câmera frontal e a traseira, para mostrar ao seu público que também fazem coisas comuns, que atrás dos filtros e maquiagens rompendo o estereótipo de perfeição das redes sociais, e tudo isso em apenas 2 minutos, que será o tempo limite para a captação. “Esta nova funcionalidade mostrará o cotidiano das pessoas de uma maneira diferente, pois haverá uma veracidade crua, diferente de outras redes sociais onde se posta uma foto após editada”, explica.

    Publicidade

    Para Pappon, o BeReal tomou força nos dias atuais, pois os tempos mudaram. Ficou para trás os dias em que se era importante demonstrar ter uma vida perfeita. Grande parte dessa mudança se deve ao isolamento que as pessoas tiveram como consequência da pandemia dae covid-19, onde todos precisavam de uma certa proximidade com o mundo, então a idealização de ver uma vida sem defeitos foi se despedaçando, dando lugar à necessidade de ver que todos estavam passando pelos mesmos empecilhos juntos.

    Mas além dessa necessidade de se sentir abraçado pela semelhança com os outros, há outro problema por trás das fotos mais que perfeitas proporcionadas pelos filtros: Graças a irrealidade proporcionada por influenciadores e algumas figuras públicas ao utilizar filtros, edições de fotos e maquiagens, muitas pessoas acabam buscando por cirurgias estética para conseguirem obter essa aparência sintética que, muitas vezes, são trazidas por apps de fotos.

    Segundo a pesquisa encomendada pela Allergan Aesthetics, em 2022, cerca de 94% dos brasileiros demonstram preocupação, pois acreditam que os filtros influenciam as pessoas, os mais jovens principalmente, a desenvolverem algum tipo de problema relacionado à autoestima por causa deste uso exagerado de filtros. Além do mais,  60% das pessoas se espelham nessas referências irreais proporcionadas por apps de edição.

    Nicole afirma que o aplicativo será uma inovação para redes sociais, pois trás o realismo que muitas pessoas desejam ver, porém ressalta que é importante não utilizar a vida de outras pessoas como parâmetro pessoal, pois cada um possui sua beleza única.

    Publicidade

    Artigos recentes

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui