Mais

    Nubank anuncia novas startups selecionadas em fundo Semente Preta

    Publicidade

    O Nubank, uma das maiores plataformas digitais de serviços financeiros do mundo, anuncia mais duas startups escolhidas para serem investidas e desenvolvidas  pelo  fundo Semente Preta, que está  destinando até  1 (um) milhão de reais em startups brasileiras fundadas por pessoas negras.

    A nova rodada conta com as startups AkinTec, com foco no pequeno empreendedor e que busca oferecer serviços como pagamento de contas, saques entre outras funcionalidades aos seus clientes. A empresa é  um open banking em blockchain, com foco nas classes C, D e E, que utiliza redes neurais e Inteligência Artificial para prevenção de inadimplência do público. E a Toti Diversidade; primeira plataforma brasileira de ensino e inclusão de pessoas refugiadas e migrantes no mercado de trabalho de tecnologia. Com uma plataforma de ensino presencial e online, a Toti prepara refugiados em diversas áreas da programação conforme as demandas específicas das empresas.

    Publicidade

    Seguindo o mesmo processo de seleção da primeira rodada, o Nubank considerou aspectos como pluralidade geográfica, times com diversidade de gênero, étnico-racial e demais grupos sub-representados. Além disso, a companhia escolheu empresas com base tecnológica que já tenham validado seu produto mínimo viável (MVP).

    “Com o objetivo de contribuir no desenvolvimento de um ambiente tecnológico mais diverso, selecionamos startups de diferentes segmentos, estágios e  regiões do Brasil. Além disso, buscamos por empresas que estejam impactando o mercado em que atuam por meio do uso de tecnologia”, comenta Monique Evelle, consultora de inovação do Nubank.

    Aceleração

    Com a participação no fundo Semente Preta, as duas startups selecionadas pretendem ganhar escala em seus negócios, com a contratação de novos profissionais, implementação de melhorias nas plataformas, etc.

    Publicidade

    Além do aporte financeiro, as startups recebem um robusto programa de desenvolvimento, para dar suporte ao crescimento dos negócios, bem como, fornece sessões de mentorias frequentes com executivos do Nubank e com a Monique Evelle.

    Outras startups selecionadas

    Em junho de 2021, o Nubank anunciou a lista com três primeiras startups selecionadas para o programa Semente Preta:  a TeamHub, uma HRtech de gestão de cultura organizacional fundada por Tatiana Santarelli; a {Parças}, comandada por Alan Almeida, a EdTech Hacker de Impacto Social busca formar Devs de Periferias, Favelas e egressos de medidas socioeducativas; e a OnlineOS, startup de Isaque Cruz, que busca oferecer um sistema completo de gestão e ordens de serviço para empresas.

    “Estamos muito contentes com a primeira edição do programa de desenvolvimento  Semente Preta, com participação de startups de diferentes segmentos e níveis de maturidade. Contribuir para desenvolver um ambiente de empreendedorismo e de tecnologia mais diverso é uma das missões do Nubank e este é apenas um dos primeiros passos para ampliar a diversidade racial no ecossistema de startups, apoiando negócios de empreendedores negros e negras”,  comenta Chris Canavero, Diretora Global de ESG no Nubank.

    Para mais informações sobre o fundo Semente Preta, acesse o blog.

    Publicidade

    Artigos recentes

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui