O Windows 11 chegou: o que muda e como isso pode favorecer as empresas?

Publicidade

Para quem utiliza computadores com sistema operacional da Microsoft, uma novidade está por vir até o final de 2021: a chegada do Windows 11 já foi anunciada pela empresa e, em breve, já estará disponível para uso. De acordo com a Microsoft, a versão 11 vem para corrigir alguns dos problemas da versão anterior e promete integrar melhor os aplicativos do Android para acesso pelo computador/notebook.

Ainda sem data de lançamento, a empresa destaca que o Windows 11 estará disponível até o final de 2021 e também foi pensado para atender à demanda dos profissionais em situação de home office. E vale destacar que, para usuários do Windows 10, a atualização será gratuita.

Abaixo, confira quatro mudanças que vêm com a nova versão do sistema operacional.

Publicidade

1- Modo de exibição

Assim como funciona nos sistemas operacionais de smartphones, sejam eles iOS ou Android, o Windows 11 trará mais opções de exibição. Além do tradicional modo claro, a empresa também disponibilizará o modo noturno e outras formas mais personalizáveis. Além disso, o tão famoso botão do Windows sairá do habitual espaço no canto inferior esquerdo para o centro da barra de ferramentas, da mesma forma como funciona com a Apple e o Google.

Todo o design da tela inicial do Windows terá uma modificação voltada para a melhor experiência do usuário, focada especificamente na facilidade. Assim, a empresa destacou que os ícones de programas e aplicativos serão modificados e terão sons específicos para diferenciação.

Além disso, o Windows 11 também terá uma modalidade de janelas simultâneas, chamadas de Snap Layouts, Snap Groups e Desktops. Isso significa não somente dividir espaços entre as janelas, mas também criar áreas de trabalho distintas, como uma para o trabalho, outra para jogos e outra para lazer.

2- Uso mais recorrente da inteligência artificial

A Microsoft pretende integrar ainda mais o uso da IA para atividades no computador/notebook. Assim, para além da checagem de produtividade, os widgets terão mais funções na tela inicial, regidos pela ferramenta. Será possível ter um feed de notícias mais personalizado, bem como exibições e ações que serão baseadas no comportamento do usuário, conforme o uso.

Além disso, todo o design de notícias que normalmente seriam vistas via smartphone farão uma composição transparente com as atividades, para que isso não afete o desempenho do usuário.

3- Aplicativos em uso no computador

A Microsoft já anunciou que os aplicativos que rodam em sistemas operacionais de smartphones – especificamente, para Android – também funcionarão no Windows 11. Isso significa dizer que, para acessar o Instagram ou o TikTok, por exemplo, não será mais necessário entrar no navegador: o aplicativo também estará disponível no Windows. Isso facilita o uso de algumas redes sociais e funções que, antes, eram exclusivas ao smartphone.

4- Vantagens para empresas e facilidades no Microsoft Teams

Visando atender empresas e funcionários que têm trabalhado de forma remota, a Microsoft anunciou que o Teams terá algumas modificações importantes. A plataforma, além de mais intuitiva, permitirá chamadas de voz e vídeo de forma facilitada e mais rápida, assim como a troca de mensagens.

Além disso, uma parte dos widgets estará conectada ao Teams, o que permite que o usuário use a plataforma, mesmo sem estar diretamente conectado a ela. A Microsoft também anunciou que o Teams terá áreas colaborativas em grupo, integradas ao One Drive, para adição simultânea.

DICA: Visto que as mudanças estão afloradas, muitas empresas também podem optar pela troca dos equipamentos ou de notebooks/computadores mais novos, com maior capacidade de processamento. Assim, vale lembrar que é importante calcular o frete e comparar diferentes marcas e sites de vendas para garantir a melhor compra.

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui