Por que uma empresa deve evitar o greenwashing

Publicidade

Para bons resultados dentro de um negócio é preciso ter um RH estratégico, gestão, processos, estratégias e diversas ações para todas as áreas e setores. Uma das questões que é importante observar dentro do negócio é a sustentabilidade e a forma como ela é tratada no negócio.

A sustentabilidade é pauta cada vez mais essencial dentro dos negócios e ela faz toda a diferença na forma como o mercado olha para as empresas. Porém, é preciso lembrar que parecer sustentável e ser de fato são coisas diferentes e é preciso ter cuidado para não cair em ciladas e prejuízos, como o greenwashing.

Você sabe o que significa esse termo? Saiba mais sobre ele e tenha atenção para não cair nessa tão negativa prática!

O que é greenwashing?

Publicidade

O termo greenwashing é traduzido em algo como “lavagem verde” e caracteriza a ação de promover campanhas de marketing, discursos, promoções e ações ecológicas sem, de fato, abraçar causas sustentáveis.

Ou seja, o greenwashing é como uma publicidade enganosa ou uma falsa aparência de sustentabilidade que pode ser cometido por empresas, ONGs, políticos e até pessoas físicas.

A sustentabilidade é algo muito importante para os consumidores que, cada vez mais, olham para esse fator quando vão escolher suas marcas e, justamente por isso, algumas empresas criam propagandas, utilizam termos da moda ou se colocam como sustentáveis sem de fato ser.

Para ser considerado um greenwashing a empresa deve:

  • Utilizar informações falsas que dão a entender que praticam ações sustentáveis;
  • Ocultar características nocivas de seus produtos e/ou serviços;
  • Expor referências de quantidades que não são verdadeiras;
  • Utilizar dados incorretos, ambíguos, contraditórios e que não possuam referência ou prova de sua veracidade;
  • Distração dos consumidores com artes emotivas, mas que não trazem informações concretas;
  • Uso de termos e dados muito complexos, que não são entendidos pelo público;
  • Uso de selos ou certificados ambientais incorretos.

Por que fugir do greenwashing?

A prática do greenwashing é um grande erro e representa a falta de ética de uma empresa com relação ao cliente e ao meio ambiente.

É preciso ter cuidado para não se pegar em ações que tenham relação com ela, afinal, isso pode trazer prejuízos financeiros e em relação à imagem perante o consumidor e mercado.

Vale dizer que o CONAR, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária, tem adotado medidas para combater o greenwashing e evitar que o público seja enganado. O órgão regulador proíbe que as marcas divulguem características de sustentabilidade sem comprovar tais qualidades e determina que os impactos ambientais positivos devem considerar todo o ciclo de vida do produto em questão.

Como evitar o greenwashing?

A melhor estratégia para isso é a transparência, ética e honestidade. Para ser sustentável é preciso adotar medidas e reformular processos e não fingir que isso é feito.

Para que seu negócio não caia nessa prática tão negativa, separamos algumas dicas que devem ser olhadas com atenção.

Tenha processos sustentáveis

Há diversas formas de uma organização tornar os processos que desenvolvem mais sustentáveis. Olhe seu uso de energia, desperdício e reaproveitamento de água, lixo e reciclagem, uso de resíduos e produtos químicos, entre outros.

Entenda seus processos e reflita o que pode ser melhorado, desde simples ações até mudanças a longo prazo e que exigem mais investimentos.

Invista em selos e certificações ambientais

O Brasil conta com uma série de selos e certificações que comprovam que uma empresa tem práticas sustentáveis. O mercado de certificações está em evolução, e é importante que o empreendedor conheça as possibilidades para entender quais se aplicam melhor a cada nicho.

Cada selo exige diferentes mudanças e adaptações nos processos da empresa, que vão desde ações simples, como o uso de energia limpa, até ações sociais.

Escolha bem seus fornecedores

Empresas que compram de fornecedores sustentáveis se tornam, automaticamente, mais ecológicas. Conheça bem o seu negócio e se relacione com empresas que façam sentido para seus valores e que caminhem junto à sustentabilidade.

Ser sustentável é muito mais do que ter um selo verde e utilizar as comunicações em suas publicidades. Ser sustentável exige diversas ações e estratégias reais para repassar seus processos para o mercado e consumidores.

Como seu negócio tem olhado para essas práticas? Aproveite que você sabe mais sobre o tema e fique de olho em suas ações! 

Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui