A profissionalização de um segmento ainda amador no mercado deu à Mr. Kids respaldo para garantir investimento e retorno rápido ao franqueado

 

Como se cores, cheiros e sabores fossem pouco para chamar a atenção de crianças e adultos. Além dos tradicionais cafés, snacks e bichinhos de pelúcia, quem está chamando a atenção nesse segmento é a Mr. Kids. As máquinas da rede trazem brinquedos em formato de emoticons, bem famosos nas redes sociais, corações coloridos e brinquedos infantis muito comuns no mundo geek, todos certificados e aprovados pela Anvisa e Inmetro. É tudo tão colorido e atraente que fica até difícil saber quem mais se empolga mais: se são os pequenos, ou os pais.

Se por um lado a máquina é uma alternativa à experimentação da vida adulta pelas crianças, pelo poder de compra que o aparelho oferece, por outro, os brinquedos ali dentro são um convite à infância e as memórias de molecagem de outrora. Além das mais de sete mil máquinas já espalhadas por quase todo o país, soma-se, ainda, mais uma força poderosa para esse crescimento: uma franquia com investimento baixo e com retorno previsto para poucos meses.

O modelo de negócio gerido por Rodrigo Loredo é muito mais pé no chão e, embora os números impressionam e soam aos incrédulos como algo digno de reino mágico, a explicação é bem simples: era um mercado pouco explorado e muito amador. A Mr. Kids, então, nasce em 2012 já em formato de franquia, trazendo ao segmento uma solução um tanto quanto inovadora: não era apenas uma máquina de brinquedos; era, em si, o próprio negócio.

 

O negócio ao gosto do cliente

Simples, compacto e profissional são palavras que podem ter efeito de música aos ouvidos de empreendedores que, ainda que com pouco dinheiro, procuram ter uma liberdade profissional. A taxa mais acessível de investimento inicial, frente a tantas franquias disponíveis no mercado, no valor de R$ 18.700, incluindo equipamentos e produtos, o suporte ao franqueado e a possibilidade de adaptar horários são os grandes atrativos que possibilitaram o rápido e expressivo crescimento da rede nos últimos anos.

A Mr. Kids ultrapassa os limites geográficos e conquista territórios em terras longínquas. E, cada franqueado, dentro de um atendimento home office, cresce conforme seu tempo e ritmo, ambição e expectativas, empregando, sem pressão por parte da rede, tempo e dinheiro em mais máquinas.

 

Adaptando sonhos e projetos

As facilidades para adentrar no mundo mágico do franchising da Mr. Kids não permanecem apenas no valor inicial e vão além, com o suporte à oferta de pontos estratégicos e a manutenção vitalícia e gratuita das catracas de todas as máquinas vendidas. A empresa se responsabiliza, ainda, pela troca de todos os produtos que permanecerem embalados, e não tenham tido saída dos pontos de venda, e uma assessoria completa, desde o processo de instalação até o recebimento de relatórios e notificação de produtos que estejam em evidência.

Com uma taxa de franquia no valor de R$ 5.000 e compra mínima inicial de R$ 11.700 em equipamentos, a Mr. Kids é, sem dúvida, um dos investimentos mais baixos para quem almeja ser franqueado. Sem taxa de propaganda e royalties, o prazo de retorno é de 10 a 18 meses e a lucratividade gira em torno de 35 a 40%. O faturamento médio mensal para um franqueado iniciante é de R$ 2 mil, mas pode ir muito além disso, já que, quanto mais vending machines o franqueado adquirir, mais ganho ele terá.

O sucesso da Mr. Kids não se justifica apenas pelo investimento baixo e um modelo de negócio home office que permite ao franqueado conciliar com outras oportunidades. Há mais segredos nesse mundo de personagens coloridos e cativantes. Além das máquinas não consumirem energia, ocuparem pouco espaço e terem um baixo custo de operação, os franqueados também tem a possibilidade de adquirirem a trocadora, um equipamento que troca as notas de reais por fichas compatíveis com as demais máquinas da Mr. Kids, que trouxe um aumento em até 40% do faturamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui