Xiaomi complementa linha Redmi Note no Brasil com dois modelos

0
Redmi Note 9 Pro, da Xiaomi

Smarphones, da categoria intermediário, apresentam configurações e visual que se destacam no mercado e garantem ótimo custo-benefício

Após anunciar a chegada do Redmi Note 9S há um mês, a Xiaomi, terceira maior fabricante de smartphones do mundo, complementa a linha Redmi Note com os modelos Redmi Note 9 e Redmi Note 9 Pro, além da novidade Mi Note 10 Lite, que também chega ao país.

Os novos smartphones serão comercializados a partir de hoje (03), disponíveis no site oficial da marca, Casas Bahia, Ponto Frio e Extra. O Redmi Note 9 3G com 64 de armazenamento chega com o preço de R$ 2.699 e está na promoção de lançamento por R$ 2.499. O Redmi Note 9 4G e 128 de armazenamento de R$ 2.999 por R$ 2.699. Já a versão Pro com 6G e 128 de armazenamento chega com o preço de R$ 4.199 e promocional de R$ 3.699.

Redmi Note 9, da Xiaomi

Redmi Note 9. A popular e campeã de vendas linha Redmi Note se destaca pelas configurações avançadas e de qualidade, mesmo com smartphones dentro da categoria de intermediários. O modelo Redmi Note 9 apresenta câmera quadrupla de 48MP, possibilitando fotos ultra detalhadas e retratos impressionantes, a partir dos efeitos da ferramenta bokeh. Um novo recurso prático de scanner de documentos também está incluído para digitalizar documentos, notas, recibos e etc. A bateria de 5020mAh com carregamento de 18W garante recargas velozes e suporta as longas jornadas do dia a dia, inclusive, para quem é entusiasta por games.

O novo aparelho também se destaca pelo visual moderno, exibindo um design novo com o imersivo DotDisplay de 6,53, protegido por um Corning® Gorilla® Glass 5 na frente. Na parte traseira, chama a atenção o visual simétrico com opções de cores variadas.

Redmi Note 9 Pro. Esse modelo mais avançado da família Redmi Note 9 apresenta poderosa configuração de câmera quádrupla de 64MP, ideal para qualquer situação. Além de potencial para a produção de fotos nítidas e de qualidade, a câmera do Redmi Note 9 Pro também garante vídeos no estilo cinematográfico, por meio do recurso quadro de filme 4K. As selfies ganham ainda mais vida com a câmera lenta presente na parte frontal.

O processador Qualcomm®Snapdragon ™ 720G com até 2,3 GHz oferece uma experiência de navegação de alto nível. O smartphone também conta com grande bateria de 5020mAh para que o usuário possa executar as ações sem que tenha que se preocupar. O aparelho é o primeiro da linha Redmi Note a conta com carregamento rápido de 30W, ou seja, recarga de até 57% em apenas 30 minutos.

Mi Smart Projector Mini, da Xiaomi

Mi Note 10 Lite. A nova aposta da linha Mi Note se destaca elo design elegante combinado com uma tela AMOLED curvada 3D imersiva de 6,47” para uma experiência de visualização totalmente imersiva. Permite desbloqueio rápido e prático com o sensor de impressão digital na tela. A bateria de 5260mAh garante duração de dois dias seguidos. O carregamento rápido de 30W possibilita uma recarga de 100% em apenas 64 minutos. A configuração de câmera quádrupla d 64MP oferece versatilidade total em suas fotos, seja ampla, ultra larga, macro ou retratos. A câmera principal de 64MP possui um sensor Sony IMX686 que captura fotos nítidas de dia e noite.

Novidade para casa conectada. Chega ao Brasil também o Mi Smart Projector Mini para transformar a casa em uma sala de cinema.  A tela possui alcance flexível que varia de 60” e 120”, com qualidade de vídeo Full HD (1080P). Para os amantes dos streamings será possível otimizar a experiência, além de possibilitar a utilização do Google Assistant de forma mais rápida e simples. O produto chega ao Brasil com o preço de R$ 5.999.

Leia Também: 

“Bateria potente, câmera completa e visual diferenciado são alguns aspectos que tornam a linha Redmi Note uma das que apresentam melhor custo-benefício do mercado. O Brasil ganha mais estes dois grandes smartphones que garantem verdadeiras experiências imersivas, seja para uso corporativo ou para entretenimento, atendendo a diferentes perfis de usuários”, reforça Luciano Barbosa, Head do Projeto Xiaomi no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui