Como Diminuir em 4 Passos o Impacto do Covid-19 em PMEs

0

Empresa de mídia digital especializada em pequenos negócios divulga 4 passos que podem ajudar a minimizar os impactos do Covid-19 na rotina de trabalho.

Para ajudar pequenos negócios a se reorganizar neste tempo de crise, a Viralizze Multimidia, empresa catarinense de mídia digital, montou um material com 4 passos para tentar minimizar os impactos do novo Coronavirus. Veja: 

Estratégia

É hora de Pensar! Sabe aquelas decisões que você sempre deixou para depois? Aproveite o momento para resgatar essas lembranças e analisar com calma quais fazem sentido para que você possa encontrar, talvez, novas formas de economizar na sua matéria-prima, insumos, fornecedores, negociações, novos produtos. Além claro de criar quem sabe, novos produtos e serviços!

LEIA TAMBÉM:  Home office protege do COVID-19, mas pode apresentar riscos de cibersegurança para empresas e colaboradores

Negociar

Fale com seus GRANDES fornecedores para tentar diminuir custos – empresas de telefonia, TV a cabo, internet, entre outros serviços entram nessa lista. Essas empresas certamente estão preparadas para negociar valores mais baixos com você para que você não deixe de ser cliente e para que possa seguir com seus serviços mesmo em tempos de crise.

Pesquise
Sim, pesquise inclusive as nossas leis. Você sabia que o Artigo 393 estabelece que o devedor não responderá pelos prejuízos resultantes de caso fortuito ou força maior, ou seja, você pode negociar dívidas, caso, por exemplo, não receba dos seus próprios fornecedores, já que a causa é uma pandemia. Converse com empresas. Já recebemos informações de que em algumas praças, os proprietários e shoppings estão dispostos a negociar devido a esse artigo.

LEIA TAMBÉM:  Coronavírus: dez dicas para otimizar o trabalho remoto

Conecte

Onde estão seus clientes? Se você não tem tempo, no seu dia a dia, agora não tem mais desculpa – contacte seus clientes, conheça as dores deles, conte o que está fazendo para tentar minimizar danos. Entenda como pode ajudar. Se conecte com as pessoas, elas são o bem mais valioso que qualquer empresa pode ter.

LEIA TAMBÉM:  Em tempos de quarentena, aplicativos de videoconferência são apostas para trabalho à distância e reuniões familiares

E, claro, não esqueça das pessoas da sua empresa, ou dos seus fornecedores, ou daqueles que estão junto com você todos os dias. Estamos todos no mesmo barco, e a valorização de marca, a partir de agora, vai vir também do quanto ela consegue se solidarizar em tempos críticos, como os que estamos vivendo. Aproveite esse tempo para construir uma realidade mais humana. Os números voltarão, mas as pessoas são nosso bem mais precioso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui