segunda-feira , 4 março 2024
Ínicio Carreira Empregos Seis tendências no local de trabalho para 2024
Empregos

Seis tendências no local de trabalho para 2024

103

No atual cenário pós-pandemia, muitas empresas estão percebendo mudanças significativas no ambiente corporativo. No que diz respeito à sua estrutura de trabalho, muitas organizações adotaram modelos híbridos, algumas optaram por um retorno integral ao ambiente presencial, enquanto outras escolheram a implementação permanente do home office. Diante dessa diversidade, os profissionais enfrentaram suas responsabilidades de maneiras mais diversas do que nunca. A Deel, plataforma líder em contratação e pagamento de talentos globais, identificou algumas das principais tendências no ambiente de trabalho que estão moldando o cenário à medida que avançamos em direção a 2024, independentemente do local em que o trabalho seja realizado.

  • Modo Avião: Para auxiliar os profissionais a aumentar a concentração, mantendo o foco nas tarefas de trabalho, eliminando distrações do ambiente, a empresa Density está encorajando os funcionários a ativar o Modo Avião por 100 minutos, dedicando esse período à leitura, brainstorming ou qualquer atividade que contribua para uma maior eficiência. Essa prática tem obtido bons resultados e pode em breve se tornar um padrão adotado por empregadores.
  • Skills-First”: O relatório Future of Jobs de 2023 apontou que o que antes era um diferencial agora é fator chave para as empresas: a priorização das habilidades. A abordagem “Skills First”, conforme sugere seu nome, é uma filosofia de gestão que destaca as habilidades e competências individuais como elemento central nas estratégias de aquisição, desenvolvimento e retenção de talentos nas organizações. Ao contrário da abordagem tradicional, que se concentra predominantemente em qualificações acadêmicas e experiência de trabalho pregressa, o “Skills First” prioriza a avaliação dos conhecimentos, aptidões e habilidades específicas que os colaboradores possuem e podem aplicar em suas funções.
  • Funemployment”: Jogo de palavras com “unemployment”, que significa desemprego, o “funemployment” representa a tendência de aproveitar o período pós-demissão para se divertir e relaxar antes de retornar ao mercado de trabalho de forma definitiva. Embora não seja uma novidade, essa tendência tem ganhado mais destaque, especialmente no TikTok e no Instagram. Isso ocorre em um momento em que a atenção à saúde mental e ao equilíbrio entre vida pessoal e profissional está mais evidente, principalmente entre os jovens da Geração Z.
  • Fim da semana de trabalho de cinco dias: A implementação da jornada de trabalho de quatro dias por semana já é uma realidade em outros países. Na Espanha e no Reino Unido, grandes empresas adotaram esse modelo. Apesar dos esforços para reintegrar os colaboradores aos escritórios, uma parcela considerável do trabalho remoto permanece, e isso reforça a necessidade de revisão das políticas de retorno ao escritório (RTO). Muitos profissionais e lideranças questionam os diversos aspectos do status quo do emprego, especialmente diante dos desafios cotidianos e dos custos associados às deslocações, por exemplo.
  • Rage Applying”: Parceiros dos “quiet quitters”, os “rage appliers” representam os profissionais que se inscrevem para novas oportunidades de emprego devido à frustração em seus cargos atuais. Seja pela insatisfação salarial ou pelo fardo excessivo de responsabilidades, essa tendência, que ganhou destaque no TikTok, especialmente entre os millennials e a geração Z, reflete a reação de indivíduos que se percebem subvalorizados no ambiente profissional
  •  Zoom sem disfarces: Diga adeus aos fundos digitais! Nos últimos anos, muita gente tem pedido menos filtros nas redes sociais e menos Photoshop. Em 2024, podemos estender essa ideia aos nossos ambientes virtuais, promovendo uma cultura de trabalho remoto mais autêntica. Afinal, os cenários virtuais raramente são perfeitos, mas o seu espaço real faz parte de quem você é. Claro, arrume as coisas um pouco – um toque de profissionalismo sempre ajuda.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conteúdo Relacionado

Nauterra, dona da Gomes da Costa, abre mais de 300 vagas de emprego para produção

A Nauterra, empresa global de alimentação que produz e comercializa a marca...

O poder da inteligência artificial na criação de oportunidades e o impacto na empregabilidade

*Por Diego Barreto e Sandor Caetano O avanço da inteligência artificial (IA)...

Top Employers divulga em relatório global as tendências para o trabalho em 2024

Os usos e recursos da inteligência artificial (IA) têm pautado discussões ao...

Saiba como trabalhar diversidade e inclusão no seu negócio em 2024

Diversidade e inclusão referem-se à valorização e aceitação das diferenças individuais, incluindo,...