terça-feira , 5 março 2024
Ínicio Noticias Social commerce: saiba tudo sobre a nova tendência
NoticiasRedes Sociais

Social commerce: saiba tudo sobre a nova tendência

104

As redes sociais deixaram de ser um mero espaço virtual para expressar sentimentos, conquistas ou partilhar novidades com os amigos. Atualmente, esse campo funciona como uma poderosa ferramenta para empresas e empreendedores de pequeno, médio e grande porte que precisam aumentar a cartela de clientes, construir uma reputação e autoridade da marca, se aproximar do consumidor e, até mesmo, vender produtos e serviços. 

Os planejamentos estratégicos que direcionam para o consumo através das redes sociais fazem parte de um novo conceito do marketing digital: o social commerce. Na prática, funciona com a produção de um conteúdo capaz de atrair e permitir que o consumidor efetue a compra diretamente do anúncio ou post. Inclusive, as mídias do grupo Meta, como Instagram, Facebook e WhatsApp, incorporaram recursos específicos para essa ação. 

Contexto do mercado 

Os marketplaces e as lojas virtuais criadas dentro dessas plataformas promovem uma integração inteligente, sobretudo quando se observa o cenário de consumo nacional. Segundo a agência de análise digital norte-americana Comscore, os brasileiros somam mais de 131,5 milhões de usuários ativos nesses ambientes. Tal fato consolidou o Brasil como o 3º maior consumidor de redes sociais do mundo e o 1º da América Latina. 

É inevitável, portanto, considerá-las parte integrante das estratégias de vendas. Até porque facilitam a comunicação e o relacionamento com o público, condições substanciais para trabalhar a atribuição de credibilidade, visibilidade e interesse pelos serviços e produtos de determinada marca. Mas não significa que é uma estratégia simples de planejar e executar. 

Uso do social commerce

Embora seja mais comum nas mídias sociais, o social commerce também pode ser aplicado em sites de compras coletivas e fóruns de discussão, em que os consumidores expõem opiniões e buscam informações antes de decidir pela aquisição de uma mercadoria. Partindo deste pressuposto, entende-se que a aplicação do método não se limita somente à divulgação crua de uma oferta e que o foco está na construção da relação com a clientela. 

As necessidades dos clientes e as soluções que a empresa consegue oferecer podem direcionar os argumentos e as táticas no processo de conquistar novos consumidores. Para isso, é fundamental investir em conteúdos de qualidade, com linguagem acessível e nos formatos mais consumidos. Vídeos curtos, para TikTok e Reels, possuem potencial viral e ajudam a alavancar o perfil da empresa, por exemplo. Outros passos e técnicas incluem: 

  • criação ou modificação do perfil da rede social para conta business nas plataformas que compreendem o seu público-alvo e/ou nicho; 
  • integração da mídia com o e-commerce;
  • planejamento de conteúdo qualificado para interação e engajamento; 
  • avaliação de parcerias e aplicação de marketing de influência;
  • incentivo e monitoramento das avaliações dos clientes e da reputação da marca.  

Além disso, criar um cronograma de publicações e campanhas aumenta as chances de o algoritmo entregar os conteúdos e alimentar o engajamento e alcance dos posts. Como consequência, ajuda o planejamento do negócio para as ações durante períodos e datas importantes do calendário publicitário, como a Black Friday, que, neste ano, está prevista para o dia 24 de novembro.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Conteúdo Relacionado

O Papel da Fotografia Corporativa na Estratégia de Marketing Digital

Em um mundo onde a imagem de uma marca pode ser tão...

Constelação Familiar e Saúde Mental: Uma Perspectiva Terapêutica

A saúde mental, fundamental para o bem-estar geral do indivíduo, é influenciada...

4 dicas úteis para poupar dinheiro usando a internet

Em meio a realidade dos altos preços, uma tendência se destaca: a...

Inteligência Artificial Generativa: como o varejo pode aproveitar a tecnologia para gerar inovação

*Por Carlos Siqueira A pandemia global acelerou a adoção digital em várias...