Existem três passos fundamentais para o e-commerce cumprir já em agosto para montar estratégia de SEO eficiente

A Black Friday é uma das datas mais importante do varejo brasileiro. Por isso, a concorrência é muito acirrada e, para alavancar as vendas, é importante que a estratégia de marketing dos e-commerces comece com meses de antecedência. Considerando que 2020 foi marcado pela pandemia de coronavírus, a competição entre as marcas para realizar as vendas será ainda maior e agências de marketing digital, como a  ROCKY, já começaram a trabalhar estratégias de SEO para aumentar a taxa de fluxo orgânico dos parceiros, mesmo com três meses de antecedência.

Fernando Ruocco, diretor de operações da ROCKY, acredita que apesar de a data parecer longe, uma estratégia precisa ser definida já em agosto. “Existem três grandes etapas que precisam ser cumpridas para montar uma estratégia eficiente em agosto. É preciso ter uma atenção especial com a produção de conteúdo, com as landing pages e adaptar a plataforma para que esteja disponível para desktop e Mobile. A maioria destes passos não tem como ser colocado em prática em apenas um mês, pois é preciso aumentar o fluxo de visitas no site de forma orgânica, por exemplo“, analisa.

Vejam os três primeiros passos para começar a trabalhar o SEO do seu e-commerce para a Black Friday:

Estratégia com antecedência

Para aumentar a taxa de conversão, existem etapas que devem ser cumpridas para captar o lead. Para fortalecer o SEO, ajuda muito se existirem outros sites que tenham link que leve o usuário para o seu. Isso impulsiona os mecanismos de pesquisa a indexarem sua página. Além disso, é importante que seu site tenha uma página específica com informações sobre a Black Friday, para que sua página seja encontrada quando houver busca pelo termo.

Paralelo a isso, é fundamental que o site funcione como um canal de informações constante para os consumidores. Ser rápido nas respostas, não deixar dúvidas sobre as compras e formas de entrega, por exemplo, deixarão o cliente mais tranquilo para efetuar uma compra no seu e-commerce. Isso aumentará a taxa de conversão.

Trabalhar conteúdo com palavras-chave 

Outro passo importante para aumentar a conversão é usar palavras-chave de alta procura de forma estratégica. Para encontrar esses termos, é necessário realizar “keyword research”, que é uma pesquisa profunda sobre os termos mais buscados no seu site. Uma forma de fazer isso é utilizando os dados de pesquisa interna do seu site e também os dados de busca paga.

“Hoje, trabalhamos com ferramentas específicas para montar este processo. Nós usamos inteligência e automação para analisar tamanho da oportunidade com base em volume versus competitividade para cada termo. Desta forma, a marca consegue ter ganhos efetivos até a Black Friday. Fazer isso de forma manual é possível, mas está longe de ter a mesma eficiência”, sugere Ruocco.

Após encontrar essas palavras, é importante criar landing pages de conteúdo relevante que tragam essas palavras. Ou seja: inserir esses termos na estrutura do site. Colocar essas palavras no título do texto, na descrição do conteúdo e imagens pode facilitar o interesse do usuário em clicar na sua página.

Adequação para o Mobile

É importante rastrear seu cliente. Atualmente, o Google indexa as páginas de um site com base na versão mobile e não mais na desktop. Essa forma de indexação causa grande impacto nos sites que apresentam conteúdos diferentes de acordo com o dispositivo do usuário. Portanto, uma boa prática é que sua landing page apresente os mesmos conteúdos da versão desktop para a versão mobile.

Para que a sua página apareça como resultado de pesquisa é preciso que a URL passe por um processo de rastreamento e indexação. Existem ferramentas, como o Google Search Console que permitem que isso seja feito.

De acordo com Ruocco, seguindo esses passos, a estratégia começa a ser montada e tende a trazer retornos positivos durante a Black Friday. “A corrida este ano será ainda mais acirrada, por conta da crise que o coronavírus trouxe. Muitas marcas passaram a apostar no e-commerce e isso exigirá mais na hora da briga pelo último clique. É fundamental para quem quiser vender mais que comece a agir agora, pois se começar a fazer isso em outubro, não dará mais tempo”, afirma

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui