Investidores brasileiros poderão comprar franquias com criptomoedas

Publicidade

 As criptomoedas nunca estiveram tão em voga como agora. Impulsionadas (para cima e para baixo) pelos constantes tuítes do bilionário Elon Musk, as moedas digitais vêm ganhando espaço e status ao lado de outras classes de ativos, como ações e fundos imobiliários.

No Brasil, a 300 Franchising será a primeira holding de franquias a aceitar criptomoedas para o pagamento das taxas de franquias. O grupo, que já reúne 4,7 mil unidades de 70 diferentes marcas, aceitará as principais moedas digitais, como Bitcoin e Ethereum.

No Exterior, já são comuns os pagamentos de produtos e serviços com criptomoedas. Nos Estados Unidos, por exemplo, hóspedes de hotéis da rede The Kessler Collection podem pagar usando Bitcoin, Ethereum e Dogecoin. Na NBA, o Brooklyn Nets anunciou que em breve aceitará Bitcoin e outras criptomoedas na compra de ingressos para os seus jogos.

Publicidade

Também na principal liga do basquete americano, a equipe do Sacramento Kings pretende adotar o Bitcoin para o pagamento de salários de jogadores e funcionários. Em ação semelhante, o Immensus Group, que opera 16 franquias da Domino’s Pizza na Holanda, já oferece parte do salário dos seus colaboradores em Bitcoin.

Publicidade

Artigos recentes

Publicidade

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui