Mais

    WhatsApp pode ajudar a trazer melhores resultados para negócios

    Publicidade

    O WhatsApp está recebendo novas funções no mundo inteiro com o recurso “Comunidades”, que foi desenvolvido para organizar os grupos em estruturas maiores, além de outros recursos que já eram realidade em aplicativos da concorrência.

    De acordo com Samuel Pereira, especialista em marketing digital e fundador da SDA Holding, uma das principais ferramentas é a possibilidade de adicionar um número maior de contatos em um grupo. “O limite de pessoas, que antes era de 256, passa a permitir mais de mil participantes. Além disso, será possível criar subgrupos temáticos, relacionados ao grupo principal. Isso irá facilitar a comunicação entre os membros e como os conteúdos serão expostos dentro daquela comunidade. A novidade é perfeita para empresas, por exemplo, que poderão impactar um número maior de potenciais clientes ou consumidores”, pontua.

    Publicidade

    O Brasil, entretanto, não deve ter acesso a essas funções antes de 2023. A decisão foi tomada porque, quando anunciada, a novidade gerou incertezas em relação ao combate das fake news durante o período de campanha eleitoral. Naquele momento, o WhatsApp anunciou que o recurso Comunidades não seria lançado no País antes do término das eleições.

    Outra novidade apontada pelo especialista será a adição de uma ferramenta para a realização de enquetes. “Com esse tipo de solução, fica mais fácil para um grupo com muitas pessoas expressar sua opinião sobre determinado assunto. O uso de enquetes já era algo comum no Telegram, por exemplo, e agora essa função chega também ao WhatsApp”, revela.

    Um recurso que será fundamental para que o grupo se mantenha organizado é a possibilidade de exclusão de qualquer mensagem por parte dos administradores. “Quando temos centenas de pessoas em um mesmo grupo, pode ser que algum conteúdo não relacionado com o assunto principal seja enviado. Atualmente, apenas quem enviou pode apagá-lo, algo que gerava problemas. Com a atualização, a moderação será facilitada e os ambientes tendem a ser mais amigáveis”, declara Samuel Pereira.

    O WhatsApp permitirá que mais pessoas façam parte de uma mesma videochamada. “Ao participar de uma reunião, muitos se veem obrigados a baixar um aplicativo ou se cadastrar em uma plataforma que não é tão popular. A possibilidade de realizar videochamadas com até 32 pessoas em um aplicativo que todos têm em seus celulares pode ser uma cartada certeira por parte da Meta”, finaliza.

    Publicidade

    A previsão do WhatsApp é que as novidades cheguem a todo o público no início de 2023.

    Publicidade

    Artigos recentes

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui