Mais

    Streaming com anúncios movimenta o mercado e estabelece precedentes para a transmissão de grandes eventos

    Publicidade

    Nos últimos meses, a Netflix anunciou o lançamento de um nível de assinatura com anúncios, reduzindo assim o custo ao usuário. Como plataforma de streaming líder no mercado, a empresa costuma abrir precedentes para outros serviços no Brasil.

    Com uma grande variedade de serviços disponíveis no mercado, a mudança é uma alternativa para baratear os custos ao consumidor, já que os preços somados das assinaturas de todos os serviços disponíveis ultrapassam as centenas de reais.

    Publicidade

    A Copa do Mundo é um dos maiores eventos do mundo, reunindo bilhões de espectadores para acompanhar as partidas. Pela primeira vez, o campeonato está sendo transmitido também por streaming. O streamer Casimiro está transmitindo uma partida da Copa por dia, de forma gratuita ao seu público.

    Essa popularização pode ser vista também com a adoção de plataformas de streaming com anúncios, barateando o custo aos usuários.

    “Com a Copa do Mundo sendo transmitida pelo streaming podemos ver o peso que esse mercado está tendo para moldar a forma de consumo. Com isso, vemos o potencial que os milhões de espectadores trazem para marcas que querem anunciar, tendo assim uma vitrine comparável a da televisão aberta”, destaca Gustavo Marra, Chief Revenue Officer na TVCoins.

    Streaming com anúncios, no entanto, não é novidade e não se restringe à Netflix no Brasil. Existem outras empresas que adotam esse modelo de conteúdo. Notavelmente, a TVCoins está fortalecendo o mercado local com um modelo de negócios de compartilhamento de receita de anúncios que permite que os criadores de conteúdo lancem um aplicativo de streaming direto ao consumidor (D2C) totalmente personalizável sem investimento inicial.

    Publicidade

    O diferencial da TVCoins se dá pela parceria única entre a empresa e o criador. Não há necessidade de investimento e o desenvolvimento da plataforma é feito por meio de um portal administrativo intuitivo, facilitando a produção do aplicativo o mais rápido possível. Ademais, contar com a receita de publicidade permite que o proprietário do conteúdo ofereça seu conteúdo gratuitamente, já que não há custo de assinatura para os streamers.

    No Brasil, empresas como Abluba, Yeeaah TV e Rede Brasil já possuem aplicativos de streaming criados pela TVCoins.

    “O mercado brasileiro está aquecido e vemos 2022 como um ponto de virada para o streaming, já que cada vez mais pessoas estão migrando de serviços lineares para o online, na busca por conteúdos alinhados aos seus gostos. O papel da TVCoins é promover que criadores de conteúdo possam ter também suas próprias plataformas, usando o modelo de anúncios como um facilitador para baratear os custos”, destaca Gustavo Marra.

    Publicidade

    Artigos recentes

    Notícias Relacionadas

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui