Falta de conhecimento da legislação tributária faz empreendedores pagarem valores a mais do que deveriam

Publicidade

Sabemos que as obrigações tributárias sempre foram motivo de confusão entre os empreendedores. Taxas, impostos e especificações são alguns dos conceitos que causam dúvidas no dia a dia do empreendedor. Acontece que, por não saberem os direitos que possuem, acabam perdendo bastante dinheiro quando falamos de impostos. E questões como restituição, isenção e benefícios fiscais são dúvidas comuns que surgem na cabeça do brasileiro que empreende. Isso reflete num dado alarmante: cerca de 95% das empresas no Brasil têm direito a restituição de valores pagos indevidamente e poucas delas tem ciência disso.

No caso das empresas optantes pelo Simples Nacional, quando algum imposto é pago indevidamente, o processo de restituição tem uma certa complexidade e essas empresas são as que mais sofrem para restituir os valores pagos de forma indevida, uma vez que a grande maioria não conta com ajuda especializada ou um escritório contábil de confiança.

“O empreendedor precisa saber que vivemos em constantes atualizações de legislações, o que abre oportunidades de ressarcimento que são pouco explorados pelos empreendedores, pois muitos acabam nem ficando sabendo sobre este direito. Praticamente todos os impostos pagos de forma incorreta podem ser recuperados. Entre os principais temos o ICMS, ISS, PIS e COFINS. Acontece que, por não saberem ou não acompanharem as atualizações de legislações, muitos deixam de recuperar impostos de direito ou em casos piores gastam ainda mais dinheiro tentando recuperar algo que já era de direito deles”, explica Camilla Natividade, Head de Operações da Contábil Hub.

Publicidade

Para saber se você pagou algo errado é preciso analisar o extrato do Simples Nacional da sua empresa e comparar com as entradas e saídas da empresa, analisando o cálculo de cada imposto pago. Empresas com débitos também podem solicitar a restituição. Neste caso, a Receita Federal fará o cruzamento das informações e então passará o valor exato a ser restituído.

“Esse assunto não pode ser deixado de lado ou esquecido pelo empreendedor, ainda mais com a crise que estamos enfrentando. Muitas vezes o valor a ser ressarcido pelos impostos pagos de forma indevida é o que pode salvar uma empresa de fechar, ou ainda pode ser o impulso que falta para se investir no futuro próspero do negócio”, finaliza Camilla.

Sobre a Contábil Hub:

A Contábil Hub é uma plataforma de gestão financeira e contabilidade online. Por meio de uma plataforma que une tecnologia e conhecimento contábil, os usuários ganham tempo e praticidade na gestão de seus negócios. A startup surgiu da necessidade de auxiliar os empreendedores no processo de escalabilidade e crescimento sustentável de seus negócios. A marca tem como madrinha a Contábil Bandeirantes, empresa com mais de 50 anos de tradição, que é hoje uma das mais conceituadas no segmento.

Publicidade

Artigos recentes

Notícias Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui